Graduação em pedagogia é difícil?

Muitos estudantes estão optando pela graduação em pedagogia, devido, principalmente, a demanda de profissionais habilitados nessa área. Depois de formado, o pedagogo pode dar aula até o 5º ano do ensino fundamental ou trabalhar em outras frentes dentro da pedagogia como em hospitais, empresas, indústria de brinquedos e até com youtubers. Mas, se você quer saber mais sobre o curso, seja pedagogia EAD ou presencial, nós vamos tirar suas dúvidas com esse texto.

Toda graduação, seja licenciatura ou bacharelado possui seu nível de dificuldade. Não apenas para testar o aluno, mas para deixá-lo bem preparado para os desafios que surgirão durante sua carreira profissional. Então, você não tem que encarar as matérias e testes como dificuldades, mas como desafios que precisam ser vencidos. Afinal, é melhor você passar por essas situações enquanto tem uma equipe de apoio ao seu lado, do que quando estiver em um cargo de maior responsabilidade, dentro de uma sala de aula, por exemplo.

E se você quer facilidade durante os estudos, o curso de pedagogia EAD pode ser uma ótima opção. Já que com ele, você pode equilibrar melhor a sua rotina e facilitar sua aprendizagem. Ou seja, você pode escolher o melhor período do dia para aprender, aquela hora que a sua mente está mais aberta e focada e não em um horário fixo, estabelecido por terceiros. Outro ponto é que em uma graduação em pedagogia a distância, você não precisa se deslocar para outro lugar na hora de aprender, pode estudar em casa ou aproveitar cada intervalo do seu dia para assistir uma videoaula ou ler algumas páginas do livro.

O nosso conselho é que para começar uma graduação em pedagogia, você tenha interesse em assuntos educacionais. Não necessariamente, você vai trabalhar com crianças, afinal, o pedagogo pode dar aulas no EJA ou trabalhar dentro de uma corporação, mas sempre estará envolvido com educação e relacionamentos de uma forma geral. Então, esse tema precisa ser do seu interesse. Muitas pessoas também acham que é necessário ser mulher, mas isso é um mito, a pedagogia é exercida por homens também. E não há motivos para haver essa segregação de sexo.

Além disso, durante a pedagogia EAD ou presencial, você colocará seu conhecimento em prática no estágio supervisionado obrigatório. É como se tivesse uma prévia de como será a sua rotina de trabalho, mas ainda tivesse o apoio de um ou mais superiores. Então, não precisa ficar preocupado com a dificuldade ou a quantidade de conteúdos que estão por vir nesses quatro anos do curso de pedagogia. Você só precisa estar preparado para aprender e, posteriormente, colocar tudo em prática.

E na hora de escolher um curso de pedagogia EAD vale pesquisar por instituições sérias que sejam reconhecidas pelo MEC com boas notas e possuam um tempo considerável de experiência no mercado. É interessante também, conversar ou conferir depoimentos de alunos e ex-alunos, assim você terá acesso a um relato mais íntimo de como é ser aluno daquela instituição de ensino.

Os 4 destinos internacionais mais incríveis para conhecer com baixo custo

Quantas vezes por dia você pensa em uma escapada ou fantasias e faz listas com os lugares para ir de férias para os que se sairia? Sim, sabemos que ainda faltam mais de três meses para que chegue a temporada de férias de 2020, mas queremos aproveitar para já te adiantar quais destinos incríveis você pode colocar na sua rota da vez.

É muito possível que haja mais de um que você já tem em sua lista viajante, mas de certeza que outros irão surpreendê-lo. Então continue lendo e te diremos quais são os melhores destinos para viajar em 2020.

1. Nova Zelândia

Vamos começar em grande, entre os melhores lugares para ir de férias e destinos de viagem mais atraentes, propomos-lhe um dos locais mais remotos de Portugal, designadamente nas antípodas. Só por isso motivo, a Nova Zelândia já poderia se tornar um dos destinos para onde viajar em 2020, mas é que, além disso, o país tem um charme único. Composto por duas ilhas, você precisará de pelo menos 15 dias para ver o essencial e se você realmente quiser mimetizarte com o ambiente, a melhor forma de viajar será em caravana.

2. México

Uma plataforma de viajantes focada millennials publicou os resultados de uma pesquisa sobre os destinos e lugares para ir de férias preferidos de seus clientes e o número um se encontrava Tulum, uma das visitas obrigatórias de viagens para o México. Aqui você vai encontrar impressionantes ruínas maias, como as próprias de Tulum ou a grande pirâmide de Chichén Itzá, as paradisíacas praias da Riviera Maya, os fundos marinhos de Cozumel e a natureza de Sian Ka’an. Se você se pergunta “onde posso ir de férias”, já tem a resposta. Vai adorar estes lugares: férias paradisíacas como jamais chegou a sonhar

3. Singapura

Singapura é um dos destinos preferidos de quem viaja ao sudeste asiático. Se bem que a maioria dos viajantes combina este pequeno país com outros destinos da região, é normal que passem alguns dias em percorrer as ruas de um destino de corte futurista que vai fazer você se sentir como se acabaras de entrar no set do novo filme de ‘Avatar’.

4. Marrocos

Em 2013, Marrocos tornou-se o país mais turístico da África, algo que não é de estranhar tendo em conta que o país conta com nada menos do que nove lugares declarados Patrimônio da Humanidade.

Entre os pontos mais visitados se encontram as chamadas cidades imperiais – Marrakech, Fez, Meknès e Rabat – em que añadiríamos alguma mais. Casablanca oferece uma visita especial entre aqueles que são amantes da emblemática filme de Michael Curtiz, Tânger tem sido cidade refúgio de muitos artistas como William Burroughs, Jack Kerouac, Francis Bacon, Matisse ou Delacroix e outros.

Como viajar barato para fora do país?

O mais difícil de fazer um orçamento para uma viagem não é fazê-lo e ter uma ideia de quanto você vai gastar, se não que, uma vez estando no destino realmente o cumprires. Ou seja, se você pretende ficar em quartos compartilhados, de pousadas, mas chegando ao seu destino, você se dá conta que prefere ter um quarto inteiro, essas mudanças desajustarão todo o seu planejamento.

Então, é melhor planejar o que vai gastar mais e poupar este extra, do que ter que parar e não aproveitar o máximo sua viagem.

Com isso dito, é momento de agora se continuar com a lista dos países mais baratos para viajar.

Os 5 destinos internacionais mais baratos para viajar em 2020

Existe a ideia de que para viajar por todo o mundo, devemos ser milionários ou algo assim. No entanto, como em tudo na vida, o custo de viajar muito depende da maneira em que o faça e de para onde você vai. Se for considerar os destinos mais procurados o seu orçamento irá lá em cima,mas se não tiver problema em viajar para lugares desconhecidos, poderá realizar viagens internacionais a preços inimagináveis. Duvida? Então confira a lista abaixo e comprove!

1. Albânia

Começamos esta lista com, provavelmente, a joia ainda sem descobrir do turismo na Europa: Albânia.

Este destino combina tudo o que mais gosta na hora de viajar: é barato, tem paisagens de sonho, uma gastronomia requintada, cidades com muita história e gente muito simpática, sempre disposta a ajudar o viajante.

Um dia você pode estar fazendo caminhadas em suas lindas montanhas e, no dia seguinte, tomando o sol em praias semelhantes às do caribe.

Pouco a pouco, a Albânia foi obtido o reconhecimento que merece nos guias de viagem, e acreditamos que não vai passar muito tempo antes que comanda os rankings turísticos.

É por isso que sugerimos que não deixe passar mais tempo e a sumes em seu itinerário para este 2020.

Melhores coisas para fazer na Albânia

  • 1. Fazer um passeio pela linda Riviera Albanesa
  • 2. Descobrir as relíquias do passado, em Tirana
  • 3. Banhar-se no Olho Azul

2. Tunísia

Localizado no Magrebe, no norte de África, se encontra este pequeno país que se converteu em um dos destinos mais baratos favoritos para os turistas.

Tunísia combina não só belas praias sobre o Mediterrâneo e as areias douradas do deserto do Saara, mas que também soma uma história diferente e a hospitalidade de seu povo.

Para os que gostam da agitação, sugerimos entrar em suas medinas ou parar nos mercados a desfrutar da gastronomia local.

Se buscam descanso em um destino de praia, com toques de cultura e história, tudo por um preço baixo, a Tunísia é o lugar para visitar este 2020.

Melhores coisas para fazer na Tunísia

  • 1. Percorrer as ruas da cidade de Tunis
  • 2. Visitar os restos da antiga Cartago
  • 3. Relaxar nas costas de Sidi Bou Said

3.  Malásia

E se falamos de lugares baratos para viajar não podemos deixar de fora o Sudeste Asiático. Esta região tem vários destinos low-cost que recomendamos visitar, e começamos pela Malásia.

Se bem que não é o mais barato da região, Malásia, continua a ser um país acessível ao qual viajar e perfeito em sua relação preço-qualidade.

Com uma conjunção de culturas e religiões que misturam o chinês, o hindu, o malaio e o muçulmano, a Malásia é uma espécie de microcosmo fascinante.

Quer que te interessam as cidades desafiadores, as praias e a selva ou da cozinha deliciosa, Malásia oferece uma infinidade de opções para visitar este 2020.

Melhores coisas para fazer na Malásia

  • 1. Seja fascinado com as Torres Petronas, em Kuala Lumpur
  • 2. Fazer um curso de comida e arte de rua em George Town
  • 3. Mergulhar em Pulau Kapas

4. Turquia

Para alguns, é a Europa, para outros é a Ásia. Mas o certo é que a Turquia é o melhor de dois mundos que se encontram para formar um dos destinos mais fascinantes desta lista.

Devido à sua localização entre dois continentes, a Turquia é um destino estratégico para várias civilizações, tanto orientais como ocidentais.

Hoje em dia, toda essa história se traduz em uma gastronomia mais eclética, mesquitas, bazares e ruínas gregas e romanas, entre vários outros atrativos culturais.

Seus anfitriões hospitaleiros, paisagens que parecem ter saído de outro planeta e preços acessíveis são os extras que fazem com que a Turquia se torne um destino completo para visitar este 2020.

Melhores coisas para fazer na Turquia

  • 1. Percorrer as mesquitas e mercados de Istambul
  • 2. Voar de balão sobre a Capadócia
  • 3. Visitar as piscinas termais de Pamukkale

5.  Macedônia

Este destino quase inexplorado pelo turismo é um pequeno território dentro dos Balcãs, que aos poucos foi ganhando importância nos últimos anos.

Ao igual que o resto dos países da região, Macedónia é marcada por influências tão variadas como os romanos, gregos, bizantinos, otomanos e eslavos, que compõem a sua múltipla identidade atual.

Com uma paisagem montanhosa é perfeito para os amantes da natureza e das cidades em plena emergência, Macedônia é um país muito acessível para que cada vez mais gente está se aproximando.

Sugerimos que você sumes a eles e o adicione à sua seleção de lugares baratos para viajar neste ano.

Melhores coisas para fazer em Macedónia

  • 1. Percorrer os museus e monumentos da Cidade
  • 2. Relaxar na pitoresca cidade de Ohrid
  • 3. Sentir-se na Grécia Antiga, nas ruínas de Heracleia Lincestis